Terceirização de Infraestrutura de TI: guia básico para gestores


Independentemente do tipo de empresa que você lidera, com a economia digital, a rápida evolução das tecnologias, e as inúmeras pragas e ataques virtuais que vêm ocorrendo, ter uma infraestrutura de TI segura, robusta e confiável é praticamente uma questão de sobrevivência no mercado.

Isso significa que, em algum momento, você precisará realizar uma avaliação da TI para verificar se a sua infraestrutura esta operando da maneira mais eficiente, confiável e segura possível.

Nesse contexto, a terceirização pode surgir como alternativa, por isso, este artigo visa esclarecer as principais informações que os gestores precisam saber para entender melhor esse processo e tomar decisões mais assertivas.

O que significa terceirizar a infraestrutura de TI na prática? 

Muitas organizações não possuem uma estratégia de TI e muito menos condições para contratar uma equipe interna e especializada para resolver os problemas técnicos.

Como alternativa, surgem as empresas que  fornecem serviços e equipamentos de tecnologia de modo terceirizado. 

Na prática, a terceirização nada mais é do que a transferência de operações, tarefas e processos para serem executados por uma força de trabalho externa. Essas funções podem ser executadas no local ou remotamente.

As empresas, normalmente, optam pela terceirização para reduzir custos ou melhorar a eficiência, mas, já falamos também sobre outros benefícios que podem ser obtidos com esse tipo de parceria.

Por que terceirizar?

A terceirização pode ser uma boa opção para reduzir custos ou ter acesso a uma força de trabalho especializada e pré-treinada por uma empresa parceira.

Além disso, uma empresa pode atividades que ocorrem apenas por um curto período de tempo, tornando muito mais eficiente a contratação de uma equipe temporária para a execução dessas tarefas pontuais.

O que pode ser terceirizado?

A tecnologia da informação se tornou o coração da maioria das empresas.  A TI é responsável por direcionar tudo, desde computadores, telefones, internet, servidores, softwares de atendimento, gestão, finanças, sistemas operacionais e muito mais. 

Dada a importância da tecnologia dentro das organizações, é preciso estar atento a problemas, como continuidade de negócios, recuperação de desastres e segurança de dados. 

Em alguns casos, resolver problemas da área de TI pode exigir uma equipe de suporte técnico especializado, sendo principalmente, pra esse tipo de solução que a terceirização é indicada. 

A terceirização além da TI

As especialidades de trabalho que podem ser terceirizadas são inúmeras, não se restringindo ao setor de TI. 

Confira algumas atividades comuns que costumam ser terceirizadas e que vão além da TI: 

  • Gestão de recursos humanos;
  • Tarefas de contabilidade;
  • Fabricação ou montagem de produtos;
  • Obras em instalações;
  • Serviços de limpeza e segurança;
  • Gerenciamento da cadeia de suprimentos;
  • Atendimento ao cliente;
  • Serviços de marketing;
  • Vendas;
  • Engenharia;
  • Serviços de auditoria;
  • Serviços jurídicos.

Exemplos de terceirização em TI

Diversos serviços podem ser terceirizados na área de tecnologia, como:

  • Desenvolvimento de um aplicativo ou jogo;
  • Desenvolvimento de um site;
  • Implantação e gerenciamento de toda sua infraestrutura de TI;
  • Implantação e configuração de sistemas ou equipamentos;
  • Realização de auditorias em sistemas em busca de vulnerabilidades;
  • Realização de auditorias na rede para verificar requisitos de segurança;
  • Instalação e configuração de equipamentos, 
  • Realização de backups, 
  • Elaboração da Política de Segurança da Informação (PSI), entre outros serviços;

Terceirizar esses serviços pode economizar tempo e, sem dúvida, dinheiro. No entanto, é preciso fazer a devida diligência para garantir que o contratado atenderá suas necessidades e expectativas, principalmente, quando se tratar de trabalhos maiores, de longo prazo ou demandas recorrentes.

O que não deve ser terceirizado? 

Como você pode ver, é possível terceirizar, praticamente, qualquer área de serviço hoje em dia. Desde vendas a RH, TI e fabricação de produtos.

Então, devo terceirizar vários serviços já que medidas como essas viabilizam a redução de gastos?

A resposta é: depende das necessidades da organização e do seu tipo de negócio. 

Serviços que não estão diretamente ligados à sua atividade-fim, podem sim ser terceirizados sem grandes riscos. Porém, atividades que exigem maior controle e atenção sobre os processos, devem ser mantidas internamente.

Por exemplo, em uma clínica médica: atividades como contabilidade, advocacia, limpeza, segurança, recursos humanos, marketing e TI, poderiam ser terceirizadas tranquilamente (a depender dos objetivos e tamanho da clínica, claro). 

Porém, para a execução das atividades principais da instituição, ou seja, procedimentos da área de saúde e profissionais, como médicos e enfermeiros  não devem ser terceirizados.

Para entender quando a terceirização vale à pena, clique aqui.

Como saber o que posso terceirizar dentro da empresa?

A terceirização deve ser vista como uma ferramenta, e portanto, seu uso deve ser analisado com cautela.

Antes de sair terceirizando tudo, verifique se: 

  • A função terceirizada não é a atividade principal da empresa;
  • Isso economizará tempo;
  • Haverá economia real (análise o ROI);
  • É seguro compartilhar essa atividade com outra organização;
  • Resolverá muitos problemas;

Ao cortar custos e economizar tempo eliminando atividades secundárias, será possível que os funcionários se concentrem no trabalho mais impactante da empresa, aumentando a produtividade e maximizando os lucros, justificando assim, a terceirização.

Esteja ciente, porém, que a terceirização também pode ter seus contratempos. Nesse sentido, vamos explorar alguns pontos que precisam ser considerados.

Portanto, pense no seguintes pontos ao planejar a terceirização de TI:

Ao terceirizar áreas da sua empresa, você perde conhecimento (expertise)

Então, você deve considerar se os benefícios da economia de custos e do aumento da eficiência realmente superam os riscos da perda de conhecimento e controle sobre determinadas áreas. 

O fator mais importante a considerar aqui, é se a expertise perdida impacta (consideravelmente) na sua vantagem competitiva. Se não for esse o caso, não há motivos para grandes preocupações. 

Planeje a sua terceirização de maneira estratégica

É fundamental que a terceirização da infraestrutura de TI não seja realizada apenas por questões financeiras.

Inclua os aspectos técnicos e estratégicos no processo de tomada de decisão para encontrar a melhor solução para o seu negócio.

Check requisitos de segurança e privacidade 

Ao terceirizar algumas tarefas, muitos recursos são compartilhados, incluindo, possíveis informações sensíveis e privadas.

Esse compartilhamento pode gerar preocupações de segurança que precisam ser tratadas.

Estabeleça requisitos rígidos de confidencialidade e de acordo com as legislações pertinentes.

E por último, mas não menos importante: conte com um parceiro de TI eficiente

Quando uma empresa terceiriza sua tecnologia da informação, está confiando essa responsabilidade a terceiros.

Se o provedor dos serviços for de confiança, oferecer qualidade e cumprir com o que foi combinado, não há com o que se preocupar. 

Mas se a empresa não estiver satisfeita com os serviços do terceirizado, precisará tomar as rédeas da situação. 

Então, muito cuidado ao escolher a organização que ficará responsável pela sua TI.

Como terceirizar a infraestrutura de TI?

Procure um fornecedor que possua  metodologias, dispositivos, equipamentos, tecnologia de ponta e sistemas estáveis que não necessitam de mudanças e atualizações frequentes. 

Além disso, solicite referências da empresa candidata e verifique o histórico de operações. 

Conheça bem as cláusulas contratuais e os níveis de serviço oferecidos pela organização, isso vai ajudar a evitar muita dor de cabeça no futuro e surpresas desagradáveis, como cobranças extras.

Converse com um profissional de TI experiente para entender as recompensas e os riscos da terceirização e esclarecer dúvidas

Na Suporte 24×7, explicamos os benefícios, os cuidados e todas as demais informações que você precisa saber.

Entre em contato  para conhecer a nossa metodologia de trabalho e descobrir o que podemos fazer pela sua empresa. 

Publicada em Blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *